Compartilhe

1° Seminário Conseleites

PECUÁRIA LEITEIRA
ESCRITO POR ASCOM
14/04/2021 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, FAEMG

A ministra de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, abriu o 1° Seminário Conseleites informando que está sendo criada uma política para que a cadeia do leite seja mais competitiva, com ações que proporcionem equilíbrio para o setor.
 
“Os estados, que têm Conseleites ativos, dão segurança para o produtor. O mais importante é a união das Federações para que o leite possa ter voz. Temos que continuar trabalhando com custos de produção altos e demanda desaquecida por conta da pandemia. Mas, acreditamos que sairemos fortalecidos.”
Tereza Cristina, ministra de Agricultura, Pecuária e Abastecimento


“Estamos, há três anos, quando começamos a construir o Conseleite MG, com o objetivo de dar transparência para o mercado de lácteos. O desafio é grande pela extensão que Minas possui, com cinco sistemas de produção e uma pulverização produtiva. Procuramos representar todos, o que é um grande desafio.”
Yago Silveira Sartori, presidente do Conseleite MG (Silemg)
 
“Um dos maiores desafios foi fazer com que o produtor rural e as indústrias se engajassem no projeto. O Conseleite faz projeções, por isso trabalhamos com valores. Queremos que os produtores usem a calculadora e façam suas projeções para ter valor de referência do seu produto, pois o produtor entregava o leite e só sabia quanto receberia 15/20 dias depois. Agora, o pecuarista pode  planejar e saber os motivos de altas ou quedas. Nosso objetivo é que tanto produtor quanto indústrias saiam ganhando.”
 Eduardo Pena, presidente da Comissão Técnica de Pecuária de Leite do Sistema FAEMG/SENAR/INAES e vice-presidente do Conseleite MG

“Um dos fatores que o Conseleite MG tem e gera bom resultado é o dinamismo, com muita escuta e diálogos entre todos os participantes. A pandemia redobrou a atenção à instabilidade do momento.”
Isabela Perez, representante do Sistema Ocemg  
 
O evento foi uma iniciativa da Secretaria de Política Agrícola do Mapa, em parceria com a Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Leite e Derivados (CSLeite) e a Embrapa Gado de Leite.